quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Ensino da língua Guarani na UEMS


23/09/2015
TV Morena/Rede Globo
Reportagem: Diogo Nolasco

Saiba mais: http://www.portal.uems.br/noticias/detalhes/uems-oferece-curso-de-guarani-a-partir-desta-quinta-feira-124919

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Escamas de peixes indicam poluição de riachos, diz pesquisa da UEMS

Por: Eduarda Rosa | Postado em: 08/09/2015
Cristiane Santana pesquisa as escamas de peixes
Uma pesquisa do doutorado desenvolvida no Programa de Pós-graduação em Recursos Naturais da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) encontrou mais um aliado para medir a poluição de riachos: as escamas dos peixes. O método analisa as mudanças químicas das escamas em relação ao habitat do peixe.
A estudante do Programa, Cristiane Ávila Santana, orientada pelo professor Sandro Marcio Lima, escolheu como objeto de estudo um peixe muito presente nos córregos de Dourados: o lambari. “Por ser um peixe muito comum, ele é uma espécie bioindicadora, porque existe em vários lugares e tem o desenvolvimento rápido. Estes peixes indicam como está o ambiente, se o local em que vive está poluído, que tipo de alimento estão consumindo, entre outras questões”, explicou Cristiane.

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Universidade Aberta para a Melhor Idade UEMS


03/09/2015
TV MORENA/Rede Globo
Reportagem: Diogo Nolasco


Saiba mais:http://www.portal.uems.br/noticias/detalhes/amizades-cantoria-e-alegria-idosos-fazem-festa-no-trajeto-para-a-unami-da-uems-131332

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Pesquisa da UEMS transforma óleo de cozinha usado em biocombustível

Por: Eduarda Rosa | Postado em: 01/09/2015
O projeto é desenvolvido no Laboratório de Química Ambiental da UEMS
O óleo de cozinha velho que vai, muitas vezes, para o ralo pode ser utilizado como matéria prima para a produção de biodiesel. É o que mostra uma pesquisa em desenvolvimento na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS). 
De acordo com a professora Margarete Soares da Silva, uma das responsáveis pela coordenação da pesquisa, no Brasil já existem várias indústrias que produzem biodiesel com óleos novos e usados tanto de gordura animal quanto vegetal. A técnica que vem sendo desenvolvida na UEMS, porém, tem o objetivo de produzir biodiesel usando óleo de soja 100% residual, ou seja, que já tenha sido usado na produção de alimentos, em escala doméstica ou industrial.